"Sim, me leva pra sempre, Beatriz Me ensina a não andar com os pés no chão Para sempre é sempre por um triz. Aí, diz quantos desastres tem na minha mão. Diz se é perigoso a gente ser feliz.

25
Mar 10

Hoje, a minha princesa foi obrigada a superar mais uma prova.

Na sua pouca idade já superou muitas e confesso que no dia de hoje eu tive medo.

Medo de que para ela, este dia fosse um trauma, uma marca dificil de ultrapassar...

Mas, mais uma vez eu fiquei surpreendida e muito, muito orgulhosa!

Hoje, e pela primeira vez em 6 anos de um longo e desnecessário processo judicial, (alheio á minha vontade), a minha "Pipoca ", foi ouvida pela juiza que acompanha o processo, e mais uma vez demonstrou a tudo e todos que é mais responsável do que os adultos que dela deveriam cuidar!Os pais que deviam zelar pelo bem estar dela, evitando traumas e problemas a uma criança que nos seus 8 anos ...deveria pensar apenas em brincar despreocupada, obrigaram-na hoje a enfrentar uma sala de tribunal !!!

Pobre bébé!

Eu sei, a juiza e todos os que ali estiveram tiveram um comportamento irrepreensivel, tentando dar a esta situação o melhor tratamento para que a minha filhota não se sentisse mal e assustada...

Felizmente , assim aconteceu!Foi graças ao profissionalismo dos representantes daquele tribunal que a pequena ali esteve, com uma atitude espantosamente á vontade, natural e comunicativa!

Como foi bom eu ouvir dizer que a minha filha é uma criança linda, responsável e muito crescida para a sua idade!

Abriu o seu coração inocente áqueles que com carinho lhe falaram...

E disse o que lhe ia na alma...

Minha pequena flôr! Desculpa a tua mãe, por não evitar este precalço!Desculpa por não evitar estas guerras que é a ti que fazem mais mal!

Desculpa...desculpa...desculpa!

Ao chegar a casa, demonstravas uma alegria que escondia um grande nervosismo...

Estavas cansada e pediste se podias ficar em casa...não querias ir á música e eu concordei...

Sei que foi um dia dificil para ti.

Eu e o teu pai temos muito a aprender contigo.

A tua maturidade e honestidade...a tua inocência são uma lição de vida para quem deveria zelar por ti, para quem tem a obrigação de te dar uma infancia feliz e tranquila...!

Apesar de não depender só de mim...desculpa!!!

Apesar de tudo, quero dizer-te algo muito importante, algo que não consigo esconder nem calar no meu peito de mãe orgulhosa de um rebento lindo como tu :

 

Amo-te muito filha, és tudo o que tenho e tudo o quero ! E o meu maior desejo e objectivo é a tua felicidade...

 

Hoje,  

publicado por marisol2007 às 22:26

RADIO CADERNO DJ PROFETA Geremias DISSE……………… BOM DIA leitor(A) do Caderno manhã da ex rádio viseu international.No quadro LER e PENSAR
Sem família não há pessoa. Se nos interrogarmos “quem sou eu? responderemos, usando a memória, “eu sou filho de…”, e depois nomearemos as pessoas de quem nascemos: a mãe e o pai, ou seja, as pessoas que nos deram a origem e o ser.
O Pai constitui não só a origem do nosso ser, mas também o lugar em que este se abriga. O Pai está interiorizado nos filhos . O Pai forma parte da identidade pessoal de cada filho, dessa identidade que – para além das várias e possíveis mudanças que acontecem na trajectória biográfica da pessoa – a acompanha do berço até ter asas para voar , mesmo que haja maes como esta gaja por cà citada O PAI è SEMPRE O PAI.
antonio a 20 de Abril de 2010 às 09:35

Lamentavelmente muita gente ainda acha que para ser pai basta ter o mesmo sangue.
Pois ser pai é mais do que umas horas de prazer e esquecer as responsabilidades, as noites mal dormidas, a atenção, o cuidado ...
Ser pai é cuidar, acompanhar , compreender , amar, estar presente...
Infelizmente no caso da minha filha ...isto não aconteceu sr.Antonio " ou devo dizer Giuseppe ?
Um pai que opta por esquecer uma filha em casa , mesmo doente e decide aproveitar diariamente a noite em boa companhia...esquecendo tudo o que diz respeito á filha...pode ser chamado pai?
Existe um velho ditado que diz " Parir é dor , criar é amor " .
A minha pipoca precisava de um pai e não o teve ...
Hoje com 8 anos , que esperar de uma relação que não foi criada, que não te pernas para andar? Não pode culpar a mãe por estar ausente quando a filha precisava dele, deve antes culpar...a noite, a diversão que o fez alienar-se da ida da filha.
Pai é pai para sempre...é verdade, porque nós não o podemos escolher ...
marisol2007 a 21 de Abril de 2010 às 09:27

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
13

14
15
16
17
18
20

21
22
23
24
26
27

28
29
30
31


mais sobre mim
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO