"Sim, me leva pra sempre, Beatriz Me ensina a não andar com os pés no chão Para sempre é sempre por um triz. Aí, diz quantos desastres tem na minha mão. Diz se é perigoso a gente ser feliz.

29
Dez 09

DIA DOS PAIS — poesia de Giuseppe Artidoro Ghiaroni

pai e filho

 

 

DIA DOS PAIS 

 

Giuseppe Artidoro Ghiaroni

 

 

Meu pai está tão velhinho,

tem a mão branca e comprida,

parecendo a sua vida,

longa vida que se esvai.

E eu o lembro quando moço

de uma atlética altivez.

Ah! Tinha força por três!

Você se lembra, papai?

Menino, ouvia dizer

que você era um gigante.

Eu ficava radiante

e também me agigantava.

Porque toda madrugada,

eu quentinho do agasalho,

ao sair para o trabalho

o gigante me beijava.

Sua grande mão de ferro

parecia leve, leve

naquela carícia breve

que da memória não sai.

Depois… um beijo em mamãe

e o meu gigante partia.

E a casa toda tremia

com os passos de papai.

Mas agora o seu retrato

muito moço, muito antigo,

se parece mais comigo

do que mesmo com você.

Você já lembra vovô

e, à medida que envelhece,

papai, você se parece

com mamãe, não sei por quê.

Você se lembra, papai?

Quando mamãe, de repente,

caiu de cama, doente,

era o pai quem cozinhava.

Tão grande e desajeitado

a varrer… Quando eu o via

de avental, papai, eu ria;

eu ria e mamãe chorava.

Eu quis deixar o ginásio

para ganhar ordenado,

ajudar meu pai cansado,

mas tal não aconteceu.

Papai disse estas palavras:

Sou um operário obscuro,

mas você terá futuro,

será melhor do que eu.

Eu? Melhor que este velhinho

a quem devo o pão e o estudo?

Que é pobre porque deu tudo

à Família, à Pátria, à Fé?

Meu pai, com todo o diploma,

com toda a universidade,

quisera eu ser a metade

daquilo que você é.

E quero que você saiba

que, entre amigos, conversando,

meu assunto vai girando

e no seu nome recai.

Da sua força, coragem,

bondade eu conto uma história.

Todos vêem que a minha glória

é ser filho de meu pai.

“Um dia eu fui tomar banho

no rio que estava cheio.

Quando a correnteza veio,

vi a morte aparecer.

Papai saltou dentro d’água

nadando mais do que um peixe,

salvou-me e disse:_ Não deixe!

Não deixe mamãe saber!”.

Assim foi meu pai, o forte

que respeitava a fraqueza.

Nunca humilhou a pobreza,

nunca a riqueza o humilhou.

Estava bem com os homens

e com Deus estava bem.

Nunca fez mal a ninguém

e o que sofreu perdoou.

Perdoa então se lhe falo

Daquilo que não se esquece.

E a minha voz estremece

e há uma lágrima que cai.

Hoje sou eu o gigante

e você é pequenino.

Hoje sou eu que me inclino.

Papai… a bênção, papai.

 

Hoje, após ter visitado um site e lido  comentários imundos e  de um nivel tão baixo que eu não pensei ser possivel , pensei como é possivel que o pai da minha filha seja assim...

Sim, amigos por inacreditável  que pareça foram escritos pelo pai da minha filha e sinceramente eu ainda estou em choque...porque eram dirigidos a mim!

Como se pode confiar cegamente em alguém, entregar tudo o que somos e temos, e depois , ser tratada de forma tão baixa que eu nem me atrevo a repetir aqui...por uma questão de educação e decoro.

E pensei...tenho muita pena que a minha filha , um dia venha a ler e tenha vergonha do que lê. Tento dar-lhe uma educação honeta, incutindo-lhe valores como a familia,  a confiança nos outros, a honestidade e decencia.

Realmente é triste um pai falar assim da mãe da sua filha...

É verdade que é dificil conhecer alguem ...por vezes uma vida não chega, e hoje vejo que nunca o conheci...não, o homem que amei e de quem tive uma filha não é...não pode ser este monstro!Como é possivel que me tenha enganado desta forma?!

Quando se perde o sentido de decencia e não se tem escrupulos...chegamos a este limite.

Agora entendo a sua incapacidade para o diálogo, as mentiras, as guerras e acusações intermináveis...ele pura e simplesmente não consegue falar..apenas acusar e utilizar termos tão baixos que me envergonho de aqui transcrever.

Por isso o poema que aqui publico...gostaria que a minha filha pensasse assim do pai.

Gostaria que ele fosse um exemplo e inspiração para ela...

Que transmitisse sabedoria e bondade,

Que em vez do ódio que as suas palavras demonstram, lhe transmitisse a tolerancia.

Infelizmente nem sempre a vida nos dá o que dela esperamos, e comigo foi assim...

deu-me uma filha linda que amo acima de tudo, mas o pai dela também se transformou na maior desilusão de todas.

Bem, apenas peçço a Deus que continue a dar-me saude a mim e ao homem mais honesto e especial de todos que hoje tenho a meu lado como marido, para que esta flor que é a minha "pipoca", continua a crescer alheia ás guerras dos adultos.

A todos desejo um novo ano de 2010 cheio de momentos especiais e que a luz da esperança ilumine sempre a vida de todos.

Bom ano novo .

publicado por marisol2007 às 23:11
sinto-me: Enjoada com as tuas palavras
música: Are you lonly sun tonight

Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
30
31


mais sobre mim
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO